Você está aqui
Home > Local > PARA IMPULSIONAR DESENVOLVIMENTO DE BATAYPORÃ, PREFEITURA ADERE AO CIDADE EMPREENDEDORA

PARA IMPULSIONAR DESENVOLVIMENTO DE BATAYPORÃ, PREFEITURA ADERE AO CIDADE EMPREENDEDORA

A Prefeitura Municipal de Batayporã aderiu ao programa Cidade Empreendedora, oferecido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/MS). Com o objetivo de transformar a economia e impulsionar o desenvolvimento local a partir do fortalecimento dos pequenos negócios, a iniciativa começa a ser executada no município neste mês.

Segundo o prefeito Germino da Roz Silva, a adesão ao programa irá ajudar a melhorar vários setores da economia. “Eu já tinha vontade de aderir ao programa e proporcionar isso para Batayporã, por entender que o Cidade Empreendedora muda a rotina do município e o pensamento administrativo da prefeitura. Agora foi possível e acredito que ele irá promover uma transformação na nossa cidade. Vejo o programa como um manual de instruções que irá nos auxiliar, enquanto gestão municipal, além de promover uma grande interação entre o setor público e privado e dar apoio aos empresários que muitas vezes não têm uma assessoria especializada”, destacou o líder do Executivo.

Com a contratação do Cidade Empreendedora, Batayporã passa a integrar o terceiro ciclo do programa e irá receber acompanhamento do Sebrae/MS durante 18 meses. Será elaborado um plano de desenvolvimento econômico para o município com ações voltadas para o eixo “Cidade de Negócios”. A estratégia adotada pela Prefeitura visa oferecer ferramentas para fomentar o empreendedorismo, alavancar a geração de renda e promover desenvolvimento.

Dados da Receita Federal apontam que, em Batayporã, em 2022, há 869 empreendimentos entre Microempresas (ME), Empresas de Pequeno Porte (EPP) e Microempreendedores Individuais (MEI), o que corresponde a 86% da densidade empresarial. A partir do programa, esse público vai ser diretamente atendido, já que uma das linhas de atuação do Cidade Empreendedora é direcionada para auxiliar e propor soluções ao pequeno empresário. Outra vertente do programa atua diretamente no âmbito das políticas públicas com a proposta de melhorar o ambiente de negócios.

De acordo com o diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça, as duas estratégias vêm para promover o desenvolvimento dos municípios. “O papel do Sebrae é apoiar o pequeno negócio e incluir ele no desenvolvimento como um todo. O Cidade Empreendedora trabalha justamente isso, ao dar suporte a esse pequeno empresário com atendimentos e capacitações e, além disso, também atua com o poder público para melhorar o ambiente de negócios desse município, facilitando o caminho para quem quer empreender. É assim que juntos fortalecemos o comércio local, gerando emprego e renda para a população, e promovendo o desenvolvimento da cidade”, enfatizou Mendonça.

São várias iniciativas que englobam o Cidade Empreendedora e, dentre ações previstas pelo programa, estão a desburocratização de processos na abertura e alterações de empresas; incentivo às compras locais; promoção de uma cultura empreendedora e a inovação nas escolas; melhorias na sala do empreendedor; estímulo ao desenvolvimento empresarial; e formação de lideranças que exerçam uma gestão pública empreendedora.

Primeira ação do programa

Em Batayporã, a execução do Cidade Empreendedora já começa no dia 25 de abril com ação “Sebrae na sua empresa”. Agentes do Sebrae/MS vão percorrer os empreendimentos locais para identificar as necessidades de cada empresário e, a partir disso, propor soluções.

Mais do que levar orientação aos empresários, a visita dos agentes também tem a função de mapear a necessidade dos pequenos negócios. O levantamento deve embasar novas ações voltadas para atender esse público.

Mais informações sobre o Cidade Empreendedora podem ser obtidas por meio do número 0800 570 0800 ou pelo site – basta clicar aqui.

Fonte: Assessoria PMB

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top