Você está aqui
Home > Local > GESTORA EM SAÚDE DE BATAYPORÃ REPRESENTA MUNICÍPIOS EM WEBINAR DO INSTITUTO VOTORANTIM

GESTORA EM SAÚDE DE BATAYPORÃ REPRESENTA MUNICÍPIOS EM WEBINAR DO INSTITUTO VOTORANTIM

Batayporã foi destaque nacional na última semana quando a secretária municipal Saúde, Marcela Leite, representou os municípios durante a décima quinta palestra da iniciativa Webinar Saúde, promovida pelo Instituto Votorantim.

O bate-papo virtual, que teve como tema “Boas Práticas de Isolamento: soluções criativas para conscientização das pessoas a respeito da necessidade de isolamento”, foi conduzido pelas especialistas do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), a economista do Comportamento, Ana Maria Rojas; e pela Médica Sanitarista e Especialista em Saúde, Catherine Moura.

A escolha do tema partiu dos relatos dos municípios participantes do projeto, que apontam inúmeros desafios para estimular a adesão das pessoas ao isolamento domiciliar.

Batayporã que enfrenta desafios no combate à pandemia da Covid-19 como os demais municípios brasileiros, agiu no momento correto adotando uma série de medidas, que resultou no controle de registros de casos da doença por mais de 60 dias, sendo assim escolhido para debater a temática.

Durante o encontro virtual, a secretária Marcela Leite destacou como o Coronavírus transformou a vida da população batayporaense. “Adotamos medidas emergenciais para conter o contágio e combater a propagação do vírus. O grande desafio foi a mudança de comportamento na rotina da população, mas o esforço valeu a pena, pois conseguimos barrar o contágio em Batayporã por mais de 60 dias, trazendo tranquilidade para todos”, afirmou.

Cb image default

Divulgação

Já a economista do BID, Ana Maria Rojas, abordou a economia do comportamento e como as políticas públicas devem considerar a forma como as pessoas se comportam e tomam decisões, para que sejam verdadeiramente bem-sucedidas. “Todos nós temos uma capacidade de racionalização limitada. Temos dificuldade em cumprir metas. A economia do comportamento integra conclusões da economia e da psicologia para aumentar a nossa compreensão das decisões econômicas”, afirmou.

Para a médica sanitarista, Catherine Moura, os desafios impostos pelo atual momento exigem uma responsabilidade ainda maior dos gestores públicos. “Os gestores públicos são referência na propagação ou na prevenção da doença. O maior desafio é conseguir manter uma comunicação focada na promoção à saúde, no engajamento da comunidade para que todos tenham a consciência de que é um problema coletivo que requer a colaboração e articulação de toda a população”, reforçou.

Agradecimento – Durante transmissão ao vivo pela página da Prefeitura Municipal, a secretária Marcela Leite, destacou que a participação na Webinar se deu em razão das boas práticas da gestão municipal frente à pandemia.

“Esse reconhecimento do Instituto Votorantim é muito gratificante, principalmente por saber que nacionalmente fomos bem sucedidos em nossas ações. Se o nosso prefeito Jorge Takahashi não tivesse nos incentivado e dado todo o respaldo o resultado não seria esse. Agradeço também a população batayporaense, que se não tivesse contribuído não teríamos êxito em nossas medidas”, frisou a Gestora.

Isolamento – Atualmente Batayporã é apontado como um dos piores municípios de Mato Grosso do Sul em taxa de isolamento social, e conta com 10 casos confirmados da doença e 15  em investigação, conforme Boletim Epidemiológico desta quarta-feira (24). Por isso, a Gestora em Saúde reforça que o isolamento é a medida mais eficaz de prevenção para evitar a disseminação do vírus. “Se a população continuar descumprindo o isolamento social será necessário revermos os decretos de flexibilidade”, afirmou.

 

Foto: Aline Leão/Assessoria PMB

Fonte: Assessoria PMB

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top