Você está aqui
Home > Saúde > ASSUSTADO COM O AUMENTO DE CASOS NO ESTADO, RESENDE APELA PARA QUE REGRAS SEJAM SEGUIDAS NO FIM DO ANO

ASSUSTADO COM O AUMENTO DE CASOS NO ESTADO, RESENDE APELA PARA QUE REGRAS SEJAM SEGUIDAS NO FIM DO ANO

Com os hospitais de Campo Grande enfrentando superlotação, o secretário de Estado da Saúde, Geraldo Resende Pereira reforçou mais uma vez neste sábado (28) o risco da população não respeitar as medidas de biossegurança. O apelo foi feito em dia que Mato Grosso do Sul registra 1.884 novos casos da doença.

“É nossa responsabilidade, informar que a semana epidemiológica 47 que começou no 15 de novembro, apresentou um aumento expressivo do número de casos SRAG/COVID em Campo Grande, aumento que continuou ao longo desta semana à 48”, pontuou Resende em nota.

O secretário argumentou que o fato de estarmos caminhando para o final do ano gera maior fluxo de pessoas nas ruas, seja em busca de promoções, presentes de natal ou festas. Essas aglomerações podem agravar a situação de contaminação da Covid-19.

“Na Capital, a faixa etária mais acometida é de adultos jovens de 20 a 39 anos que possui uma dinâmica social mais ativa, frequentam mais espaços coletivos, consequentemente essas pessoas podem se contaminar e levar o vírus para suas famílias, em especial aos idosos, comprovadamente mais vulneráveis à forma grave da COVID-19”, complementou.

Algumas recomendações foram feitas por Geraldo Resende, como:

  • Obrigatoriedade do uso de máscara;
  • Medidas de higiene;
  • Evitar aglomerações, saídas de casas e contatos desnecessárias;
  • Permanecer em casa, no período das 21h às 5h, sem mobilidade urbana;
  • Não permitir aglomerações enfrente aos estabelecimentos.

Para o comércio, a recomendação é para aumentar as regras de biossegurança, exigir o uso de máscaras, orientar a higienização das mãos com álcool e manter distanciamento entre si. “Não permitam aglomerações frente aos seus estabelecimentos”, concluiu Resende.

Boletim

De acordo com o Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretária de Estado de Saúde (SES), Campo Grande registrou nas últimas 24horas, 1.178 novos casos de contaminação da Covid-19 o total do Estado é de 1.884 novos casos positivos.

Com aumento expressivo, o Estado contabiliza agora 97.605 casos de infecção, tendo 9.685 em isolamento domiciliar e 450 internados entre leitos clínicos e UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Totaliza o número de 85.713 recuperados em Mato Grosso Sul,

Com três mortes registradas no boletim de hoje, o Estado totaliza 1.757 óbitos até o momento.

Fonte: Correio do Estado

Foto: Divulgação

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top